quinta-feira, julho 29, 2021
spot_img
InícioHistória da AdvocaciaCuritiba sediou o Encontro do Colégio de Presidentes das Seccionais da OAB

Curitiba sediou o Encontro do Colégio de Presidentes das Seccionais da OAB

O Jornal da Ordem, edição de abril de 1991, publicou a seguinte matéria com a seguinte manchete: “Conselho reúne presidentes”. Durante três dias, Curitiba sediou o Encontro do Colégio de Presidentes das Seccionais da OAB, quando foram discutidos intensivamente temas importantes como as criações dos Conselhos Regionais, as eleições diretas em todos os níveis, a simplificação dos processos disciplinares e o Exame de Ordem, que se pretende tornar obrigatório.

O presidente da OAB/DF, Esdras Dantas de Souza, propôs durante o Encontro que a OAB trabalhasse no sentido de agilizar a lei que trata da jornada de trabalho e piso salarial mínimo do advogado, lembrando que a OAB/DF já está trabalhando nesse sentido, informando que em Brasília está sendo nomeada a Comissão de Assuntos Legislativos da Seccional, que se encarregará dessa tarefa, de acompanhar o projeto de lei junto ao Congresso Nacional.

Compareceu ao evento a quase totalidade dos presidentes das Seccionais, os quais deram atenção especial para a proposta do anteprojeto do novo Estatuto da Advocacia e da OAB, de iniciativa do Conselho Federal da Ordem, agora aberta à emenda de advogados de todo o País.

A Declaração de Curitiba, cujo esboço foi preparado pelos presidentes Hernando Uchoa Lima (CE), José Roberto Batochio (SP) e Nereu Lima (RS), foi lida solenemente, na sessão final, pelo presidente do CFOAB, Marcelo Lavenère Machado. No jantar de encerramento, foi orador o conselheiro pelo Distrito Federal, secretário-geral, Antônio Carlos Elizalde Osório.

- Advertisment -

Mais vistos